terça-feira, dezembro 19, 2006

Coruche descontente com “PIDDAC zero” para o concelho

A Assembleia Municipal de Coruche mostrou, sexta-feira, o seu descontentamento com o esquecimento a que o concelho foi votado pelo Governo através do Plano de Investimentos e Despesas de Desenvolvimento da Administração Central (PIDDAC) para 2007. Uma moção apresentada pela CDU e apoiada pelo PSD manifesta-se contra a indiferença do poder central e contra o facto de o PS votar agora contra propostas que efectuou quando era oposição.

Entre os projectos “esquecidos” destacam-se a variante a Coruche e travessia do Vale do Sorraia, a construção de uma nova ponte entre Couço e Santa Justa e a construção do pavilhão polidesportivo da escola secundária da vila.

O presidente da câmara, Dionísio Mendes (PS), reconheceu a falta de investimentos para 2007 mas lembrou que nos últimos anos foram construídas a escola básica integrada do Couço e o centro de saúde na mesma freguesia. Além de intervenções nas estradas nacionais 114-3 e 114.

O Mirante On-Line

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial